Construção de um Eu

Sou um iceberg em um mar gelado
Que espera por uma nova mudança climática.
Sou aquele que vê tudo com a mão no queixo.
Sou o indiferente que não sabe se insinuar,
Porque sempre quero estar com a sinceridade.

Esta que sempre é vendida por aquele que dá mais,
porém, felizmente, ninguém conhece minha moeda
Já que minhas palavras não tem preço,
E clara é minha ata

Nunca vou vender um pedaço de mim à ninguém,
Nem àqueles que gosto
Porque eu sou apenas de mim…
Mas nem a mim eu quero.

Já tentei fugir para as mais longínquas montanhas
Onde apenas o vento bate,
Mas fui expulso de lá por minha necessidade humana
Que ainda não aprendi a lidar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s